O que são as bioenergias ou energias da vida?

As bioenergias ou energias da vida estão divididas em dois grandes grupos: energias imanentes e energias conscienciais.

ENERGIAS  IMANENTES

Energia imanente (EI) é a energia primária, invisível, essencial, totalmente impessoal e dispersa em todos os objetos ou realidades físicas, interpenetrando tudo no Universo.

É a energia em seu estado natural e mais puro. Para os chineses, é o chi; para os japoneses é o ki; para os iogues indianos, o prana.

Este tipo de energia pode ser ainda categorizada de acordo com a sua origem: geoenergia (energia encontrada na terra), hidroenergia (energia encontrada na água), fitoenergia (energia encontrada nas plantas), aeroenergia (energia encontrada no ar), cosmoenergia (energia espalhada pelo Cosmos) e ainda energia extrafísica, proveniente de dimensões energéticas não físicas.

ENERGIAS  CONSCIENCIAIS

Energia consciencial (EC) é a energia imanente transformada pelas informações atribuídas pelos seres vivos quando a utilizam.

Os padrões de emoções, sentimentos e pensamentos são transferidos para a energia imanente, imprimindo algum tipo de informação que impregna essa energia.

A sua energia, por exemplo, é do tipo consciencial. A quantidade e qualidade da energia consciencial vão definir as características do magnetismo pessoal, a força da atração física, da simpatia e o carisma pessoal.

Já a qualificação da energia consciencial depende dos padrões de sentimentos, pensamentos e conduta de cada pessoa.

Dentre os fenômenos mais comuns gerados pelas suas energias consciências está a aura. A aura é um campo de natureza desconhecida, com algumas características magnéticas, de aparência luminosa para os sensitivos.

Suas cores provavelmente estão ligadas à energia do campo e às atividades e pensamentos do que esteja sendo envolvido pela aura. Por exemplo, seres vivos, homens, mulheres, crianças, animais, plantas, minerais e objetos físicos, todos apresentam alguma aura com características próprias.

Fig. 15, página 1.126 obra Projeciologia, Panorama das Experiências fora do Corpo Humano. Autor Waldo Vieira.

Podemos destacar 3 aspectos da aura:

1. Onipresença. Transparece em todas as coisas e não apenas em algumas.
2. Movimentação. Modifica-se radicalmente a cada movimento do objeto nela contido.
3. Invólucro. Em geral assemelha-se a um ornamento ou invólucro ornamental onde o objeto ou ser aparece engastado como se estivesse dentro de um estojo.

A forma comum da aura humana é um grande ovóide vibrante, atravessado por muitas correntes de luz, em constante movimento de raios e turbilhões.

A aura humana reflete a imagem nua e crua do indivíduo, ao modo de cartão de visita, visto ou lido por videntes, sensitivos(as) e projetores(as) conscientes. A faculdade que permite ver a aura de um ser vivo ou objeto é chamada clarividência, e a pessoa com a clarividência desenvolvida é chamada clarividente. Quanto aos chácaras (centros energéticos) envolvidos na clarividência, o mais importante é o frontochacra, por isso também chamado terceiro olho.

A natureza da aura assemelha-se à da luz, ao mesmo tempo corpuscular e vibratória. Tamanho.

O volume, tamanho, contorno e densidade da aura apresentam-se extremamente variáveis, mas a pessoa comum emite uma aura de cerca de 10 centímetros. Quando parapsiquicamente desenvolvida e positiva, a pessoa tem aura que alcança 3 vezes esta medida ou mais.

A natureza da aura humana se caracteriza, em geral, por 9 variáveis:

1. Coloração.
2. Densidade.
3. Formato.
4. Invisibilidade.
5. Luminosidade.
6. Substância.
7. Sutilidade.
8. Vitalidade.
9. Volume.

Aprenda mais estudando a obra Projeciologia, Panorama das Experiências fora do Corpo Humano do autor Waldo Vieira.

BIOENERGIAS,  FENÔMENOS  E  CURAS  PARAPSÍQUICAS

Quando a energia consciencial se condensa, pode incluir componentes orgânicos como células do tecido epitelial e gorduras, e pode formar a substância chamada ectoplasma, um tipo de bioenergias que pode predispor fenômenos de efeitos físicos, como materialização, telecinesia (movimentação de objetos físicos sem o contato com os mesmos), e até mesmo a paracirurgia (cirurgia extrafísica).

O ectoplasma possui aparência viscosa, leitosa, quase transparente, retrátil e sensível à luz, mais facilmente condensado em baixas temperaturas. Ao sensitivo doador de ectoplasma, dá-se o nome de ectoplasta.

Inúmeros casos de cura são descritos na literatura utilizando-se as propriedades semimateriais do ectoplasma. As paracirurgias incluem-se neste tipo de assistência realizada através do ectoplasma.

No vídeo abaixo apresento uma miniaula gratuita sobre as bioenergias.

Você é nosso convidado para iniciar os estudos sobre as bioenergias!
E lembre, não precisa acreditar em nada. Experimente, reflita e desenvolva suas conclusões pessoais.

Bons estudos!

William Klein

Voluntário, professor e pesquisador da Conscienciologia.

A Conscienciologia pesquisa a consciência, eu e você, através de um enfoque abrangente, máximo, de todos os seus instrumentos de manifestação, em todas as dimensões, com todas as suas energias, capacidades e atributos parapsíquicos lúcidos, cosmoéticos, muito além das investigações convencionais das demais ciências modernas. Conscienciologia: Ciência da consciência.

Quer saber mais?

Conheça os Fundamentos da Conscienciologia!

Como desenvolver a autodefesa energética?

Aprenda a não ser influenciado por energias nocivas à sua saúde e bem estar. 

Clique e assista ao webinar: Autodefesa Energética
#mc_embed_signup{background:#fff; clear:left; font:14px Helvetica,Arial,sans-serif; } /* Add your own Mailchimp form style overrides in your site stylesheet or in this style block. We recommend moving this block and the preceding CSS link to the HEAD of your HTML file. */

Assine nosso informativo

* campo necessário
(function($) {window.fnames = new Array(); window.ftypes = new Array();fnames[0]='EMAIL';ftypes[0]='email';fnames[1]='FNAME';ftypes[1]='text';fnames[2]='LNAME';ftypes[2]='text';fnames[3]='MMERGE3';ftypes[3]='text';}(jQuery));var $mcj = jQuery.noConflict(true);

Envie suas dúvidas pelo formulário abaixo: